Ative Sua Mente Para Atingir A Produtividade Máxima

ACESSE TODO SEU POTENCIAL E MELHORE SUA PRODUTIVIDADE

Você já se perguntou o que esportes radicais tem a ver com produtividade? Por que há tantos que dominam a arte do base jumping, surfe nas encostas de vulcão, escalada solo, escalada no gelo ou mergulho em caverna?
E o mais importante, o que isso tem a ver com a sua vida de empreendedor

E se eu te disser que você é capaz de experimentar a mesma sensação que atletas radicais sentem?
Um impulso que leva os seres humanos para além dos seus limites e os ajuda a atingir estados inesquecíveis.
Um estado de espírito que faz as pessoas atingirem o seu melhor enquanto vivem ricos momentos de total dedicação à tarefa.
Um estado de pico que pára o tempo e aniquila a crítica interna.
É chamado de estado de flow, ou apenas flow, que significa fluxo em inglês, e é considerada a experiência mais poderosa e viciante que um ser humano pode sentir.

Esqueça vídeos motivacionais e discursos.
Este post é sobre coisas que você pode aplicar à sua rotina diária.
Este artigo é para você que quer facilmente melhorar sua produtividade e o seu desempenho para fazer o seu trabalho.

A SENSAÇÃO MAIS VICIANTE QUE VOCÊ JAMAIS SENTIU

Você sabia que seu cérebro é capaz de reproduzir o efeito de 5 drogas diferentes sem colocá-lo em coma? E mais, ao sentir isso, você terá acesso ao temor e ao poder de conquistar o mundo! Este momento é chamado de “estado de flow” e cada pessoa pode alcançá-lo sem recorrer a perigosos coquetéis de drogas.

Estudado nos anos 70, pelo famoso psicólogo Mihaly Csikszentmihalyi, o estado de flow é o melhor estado de espírito. Nesse estado as pessoas estão tão profundamente envolvidas em sua atividade que nada mais importa.

Como Steven Kotler especifica, anteriormente a teoria mais popular era que apenas 10% do nosso cérebro está ativo. Assim, estando no estado de flow, outras partes do cérebro são ativadas. No entanto, os estudos mostram que durante o estado de flow, acontece exatamente o oposto. Partes do cérebro desativam.

Funções como a crítica, o senso de vontade, ou a tomada de decisão complexa são fechadas. O que acontece depois? Experimentamos um profundo sentimento de libertação.
Esse sentimento também é condicionado pelos poderosos neurotransmissores produzidos pelo cérebro.

No estado de flow, o cérebro libera neurotransmissores como norepinefrina, dopamina, anandamida, serotonina e endorfinas. É uma “enxurrada de neurotransmissores. O fenômeno estimula o estado de “bem estar” e melhora o desempenho e consequentemente a produtividade.

Kotler indica que este cocktail é semelhante ao efeito de 5 drogas diferentes tomadas ao mesmo tempo. Por exemplo, endorfinas são opiáceos, assim eles são a versão natural da morfina. No entanto, as endorfinas que o cérebro produz são 100% mais poderosas do que a morfina médica. O mesmo acontece com outros neurotransmissores.

QUANDO TUDO ACONTECE

Estado de flow é mais viciante da Terra e, embora você não saiba, você já o experimentou. Lembre-se dos momentos em que você estava fazendo algo e:

  • Você perdeu a noção de tempo
  • A auto-crítica desapareceu
  • O foco tornou-se afiado como uma navalha
  • Você sentiu uma forte sensação de controle
  • Você experimentou um estado de alerta elevado
  • A tarefa foi muito agradável
  • Você não parava
  • Tudo aconteceu sem esforço.

Você reconhece ter estas experiências?

Bem, estes são os efeitos do flow, um estado que faz com que as pessoas dêem o melhor e atinjam seu maior potencial.

Você ficaria surpreso ao descobrir quantos artistas famosos, cientistas ou escritores estão entrando no flow.

Durante este momento de felicidade, encontram-se capazes de produzir verdadeiras obras-primas.
Você pode ouvir histórias sobre, por exemplo, como Jay Z pode ficar no estúdio por horas até encontrar o ritmo certo.

Há também os praticantes de esportes radicais.
Como foi mencionado na primeira parte do artigo, há uma força poderosa que os faz arriscar suas vidas. Em seu livro “Super-Humanos. Como os Atletas Radicais Redefinem os Limites do Possível, Steven Kotler fala sobre atletas de esportes de aventura. Ele argumenta que o estado de flow acontece como muito mais frequência para as pessoas que se dedicam a alcançar o ápice do desempenho humano.

Estando em situações extremas, os atletas vêem o estado de flow como uma necessidade. Ajuda-os a sobreviver às grandes ondas, às montanhas hostis ou aos rios rápidos.
O estado de flow é sobre a construção de impulso e focando a energia física e mental em fazer uma tarefa. A explosão de neurotransmissores viciantes que acontece em seu cérebro faz você conseguir a felicidade.
Durante este estado, você pode trabalhar por horas, ser tão criativo quanto você deseja, e expressar seu potencial e produtividade total.

VOCÊ PODE SER UM SUPER HOMEM

“Mas eu não sou um atleta radical. Eu sou um empresário e meu trabalho diário é sobre ficar sentado na frente do meu computador. Como posso experimentar o flow”?
Sua pergunta é justa. Afinal quem não deseja aumentar sua própria produtividade?

No entanto, existem algumas estratégias que irão ajudá-lo a experimentar o flow mais frequentemente.

Depois de estudar a atividade de vários praticantes de esportes de aventura, Kotler veio com uma série de estratégias para experimentar o estado de flow. Estas práticas são fáceis de aplicar e são adaptáveis ​​a diferentes tipos de estilos de vida. Em outras palavras, você não precisa ser um atleta radical para poder desfrutar dos resultados do flow.

Steve Kotler fala sobre quatro gatilhos principais que têm o poder de ativar seu estado de flow. Ele se concentra principalmente nos gatilhos ambientais, psicológicos, sociais e criativos. Tomando isso como um ponto referencial, aqui está uma lista de ações que podem induzir o estado do flow:

Gatilhos ambientais:

  1. Esteja disposto a assumir riscos. Cada vez que você faz assim (mesmo que seja sobre fazer contatos durante um evento) sua mente entra no modo de sobrevivência. Seu foco torna-se mais nítido e você está pronto para o “confronto”. Essas circunstâncias são ideais para experimentar o estado de flow.
  2. Coloque-se em novos contextos. Deixar a zona de conforto é sempre bom se você quiser expandir seus conhecimentos e desenvolver suas habilidades. Se seu ambiente é rico em novidades, incertezas e complexidades, você experimentará o flow.
  3. Esteja ciente de seu ambiente. Segundo Kotler, é importante usar os 5 sentidos e estar ciente de cada detalhe único que o ambiente têm a oferecer. Ao fazer isso, você pode experimentar o flow do espaço, sentindo uma encarnação profunda e uma forte consciência física.

Gatilhos psicológicos:

  1. Ter objetivos claros. Não viva preso à confusão. A clareza é um dos fatores que criam impulso. Você tem que saber onde você vai e ser firme em relação isso. Ter objetivos claros o manterá longe da zona da apatia e o forçará a focalizar no que é importante para você.
  2. Peça resposta imediata. Não importa se a resposta é positiva ou negativa. Saber se você está no caminho certo o ajudará a melhorar sua produtividade e habilidades. Você será ainda mais determinado em suas ações. Pedir resposta imediata manterá você focado nos passos que você tem que tomar, aumentando a probabilidade de entrar no estado de flow.
  3. Adapte a relação desafio x habilidades. Se você tem que realizar uma tarefa que está além de suas habilidades, é mais provável que você vai sentir medo. No caso de realizar uma tarefa que está acima de suas habilidades, é provável que você vai se sentir entediado. Para induzir o estado de flow, é importante encontrar um equilíbrio entre a complexidade da tarefa e suas capacidades.

Gatilhos sociais:

  1. Desenvolver o senso de familiaridade. Se querem realizar tarefas diferentes, as pessoas têm que estar na mesma sintonia. Compartilhar uma linguagem e conhecimento comuns tem o poder de desencadear o chamado “flow de grupo”.
  2. Seja humilde. Quando você é capaz de diminuir a importância de seu ego, você se deixa dominar pela grandeza da missão que você persegue. Este é um gatilho importante que torna possível o estado do flow.
  3. Desenvolver a sensação de controle. A autonomia é outro importante gatilho de flow. Ao ser capaz de escolher por si mesmo os desafios que você quer superar, você se torna responsável pelos resultados de suas ações. Assim, esta consciência faz você ser ainda mais focado e determinado.

Gatilhos criativos:

  1. Explore sua criatividade. Kotler afirma que ao unir novas idéias e ter a coragem de contar essas idéias ao mundo, seu cérebro experimenta uma poderosa reação neuroquímica.
    Transforme a criatividade em sua virtude. Esteja sempre aberto a abordagens desconhecidas e sinta-se livre para falar sobre eles. Isso ajudará você a alcançar e manter o estado de flow.

CONCLUSÕES

Ao ser capaz de entender e controlar o flow, você pode acessar um dos estados mais importantes que seu cérebro pode produzir. Ao fazer isso, você tem a chance de experimentar o poder de seu potencial. O estado de flow é famoso por permitir que você sinta o melhor e forneça energia e foco para o trabalho sem esforço. Tente e eleve sua experiência de trabalho experimentando os diferentes gatilhos do flow. Não há nada mais poderoso e feliz do que apreciar o seu trabalho e manifestar todo o seu potencial.

Compartilhe conosco sua história! Quais são suas experiências de flow? O que os desencadeou e quais são os resultados?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *