Ser mãe e empreendedora exige sacrifícios que valem a pena

5 Dicas Motivadoras Para Mães Empreendedoras

Ser uma mulher empreendedora pode ser um dos trabalhos mais desafiadores do mundo, mas ser uma mãe empreendedora é mais do que isso.

Você tem que viver dois papéis exigentes, o de mãe e o de uma empresária/empreendedora, simultaneamente.

Escolher entre amamentar um bebê e receber uma ligação urgente do cliente nunca é fácil.

Às vezes, isso pode deixá-la pra baixo, levando-a a trocar um sonho pelo outro.

No entanto, você deve se manter firme!

Muitas empreendedoras de sucesso acreditam que você pode equilibrar a maternidade e o empreendedorismo perfeitamente.

Como você não pode desistir de contribuir com a renda familiar, é preciso encontrar uma maneira de equilibrar as duas funções.

Aqui estão cinco dicas que serão úteis:

1. Continue aperfeiçoando suas habilidades de gerenciamento de tempo

Embed from Getty Images

Como você precisará viver uma vida dupla, você tem que funcionar com sua eficiência máxima quase 24 horas por dia.

Sem habilidades de gerenciamento de tempo impecáveis, você estará desperdiçando o tempo que não tem.

Então, você precisa estar sempre melhorando suas habilidades de gerenciamento de tempo.

Você deve ter um horário diário bem planejado todos os dias, mesmo nos finais de semana.

Além disso, certifique-se de planejar seu próximo dia no dia anterior.

Assim, você será capaz de distribuir seu tempo para todas as tarefas em mãos.

Faça uma lista de tarefas usando um planejador adequado para você.

Quanto tempo e energia você precisará para concluir uma tarefa específica?

Você terá energia suficiente para cuidar da tarefa seguinte?

Considere estes dois fatores ao planejar o dia.

No entanto, saiba que você não consegue fazer tudo, e que não há nenhum problema nisso.

Ninguém pode ser perfeito em tudo.

O perfeccionismo pode ser desastroso.

É por isso que você precisa definir metas realistas e ter expectativas realistas também.

Se você tentar fazer tudo sozinha, provavelmente acabará estragando tudo e colocando todo mundo sob muito estresse.

Por isso, inclua apenas a quantidade de tarefas humanamente possíveis em um dia, tanto como mãe quanto como empreendedora.

“A chave está em não gastar tempo, mas em investir tempo.” – Stephen R. Covey

2. Evite, a todo custo, sentir-se culpada

Mãe empreendedora normalmente se culpa
Photo by energepic.com from Pexels

Às vezes, você pode não ter tempo para participar de uma partida de futebol do seu filho por conta de uma série de reuniões de negócios importantes, ou talvez não consiga arranjar tempo para fazer biscoitos pra ele. Ninguém quer deixar pratos sujos e pisos bagunçados.

No entanto, todas as mães têm filhos desobedientes ou entram em todos os tipos de problemas; e sempre vai ter uma pilha de roupa suja no canto.

Além disso, mesmo a maioria das mães em tempo integral não consegue chegar a todos os jogos de futebol dos filhos ou assar biscoitos.

Sua vida como empresária não será diferente.

A culpa é um sentimento tóxico que pode prejudicar seu desempenho em todas as frentes.

No entanto, como todas as suas lutas estão em sua cabeça, cabe a você aprender a dizer não à culpa.

Livrar-se dela não é fácil, mas é possível.

No momento em que você parar de pensar nisso, você não se sentirá culpada como mãe nem como empreendedora.

3. Delegar Responsabilidades

Como mencionado no primeiro ponto, você não pode fazer de tudo.

É por isso que você deve delegar responsabilidades pessoais e profissionais a outras pessoas.

Por exemplo, se você precisar de um pouco de tempo para o papel da mãe, você pode entregar algumas de suas obrigações da empreendedora ao seu substituto.

Você também pode delegar algumas responsabilidades diárias aos seus assistentes.

Isso permitirá que você tenha mais tempo com a família ou se concentre nas tarefas mais importantes no trabalho.

No papel de mãe, você pode obter ajuda do seu parceiro.

Converse sobre como ele pode ajudá-la.

É provável que ele tenha um emprego em tempo integral também. Então, você precisa se sentar e descobrir como compartilhar tarefas dos pais.

Você também pode ter uma rede de ajuda estendida de outros membros da família e amigos.

Não se esqueça de mostrar sua gratidão pela ajuda que você recebe do seu parceiro ou de outros membros da família.

Um simples “obrigado” depois de terem colocado as crianças para dormir pode fazer muita diferença.

“Quando você delega trabalho a um membro da equipe, seu trabalho é enquadrar claramente o sucesso e descrever os objetivos.” – Steven Sinofsky

4. Aprenda fazendo

Apesar do seu planejamento perfeito, as coisas podem sair do controle ocasionalmente.

Você não conseguirá atingir suas metas diárias de tempos em tempos, mesmo que sejam realistas.

Ser uma mãe empreendedora nem sempre é glamouroso.

Você tem que aprender a lidar com os socos que a vida dá em você.

Aceite que você perderá um prazo ocasionalmente ou que seu bebê vai sujar sua blusa de vômito enquanto está em uma chamada com um cliente.

Quando você aceitar essa realidade, você vai eliminar muito estresse.

Fazer isso fará com que não só sua vida seja mais fácil, mas também das pessoas ao seu redor.

Lembre-se, a aceitação é a chave para o sucesso profissional e pessoal.

5. Mãe empreendedora precisa de tempo pra si também

Pode-se facilmente perder-se em sua tentativa de encontrar equilíbrio entre ser mãe e empreendedora.

Se você está trabalhando em casa, a falta de separação entre esses dois papéis dificulta a separação de algum tempo pra você.

No entanto, você não pode comprometer sua saúde mental ou física.

Você não precisa apenas de sono, exercícios e nutrição suficientes para mantê-lo, mas também consolo sempre que o tempo permitir.

Você pode ter um hobby, visitar um spa nas proximidades ou relaxar por alguns minutos enquanto saboreia uma xícara de café quente.

Apenas certifique-se de fazê-lo regularmente.

Arranje tempo para o autocuidado em sua agenda lotada.

Ser um empreendedor não é tarefa fácil.

Conclusão

De manter suas habilidades de gerenciamento de tempo atualizadas até reservar algum tempo si mesma, essas cinco dicas ajudarão você a se tornar uma mãe bem-sucedida, bem como um empreendedora.

Eles ajudarão você a criar um equilíbrio entre esses dois papéis críticos.

Você é um mãe-empreendedora?

O que você fez para criar um negócio de sucesso enquanto trocava fraldas?

Compartilhe suas experiências nos seus comentários.